A Extraordinária Garota Chamada Estrela

Imagem retirada do site submarino.com.br
Imagem retirada do site submarino.com.br

Olá pessoal! Tudo bem?

Hoje trouxe um livro que me fez refletir bastante!

Não é daqueles livros que te deixam ansiosa e nervosa como um dos últimos que eu li: Maze Runner. Me lembrei fortemente do livro Destrua Este Diário, pois a personagem principal é uma garota que sai dos padrões, enxerga os detalhes do cotidiano que com a correria passam despercebidos, tem sua personalidade forte e sincera…. Sim, como diz no título, ela é extraordinária!

A EXTRAORDINÁRIA GAROTA CHAMADA ESTRELA – Jerry Spinelli

A historia é narrada pelo Leo Borlock, um jovem tímido que tem um amigo chamado Kevin. Juntos eles fazem o programa chamado “Cadeira Elétrica” na Escola de Ensino Médio de Mica (EEMM). O programa é um tipo de entrevista coletiva em frente a câmera, que era transmitida na TV. As pessoas que eram convidadas eram aquelas que se destacariam e logicamente iriam aumentar a audiência do programa. Muitos querem participar do programa para ter um momento de destaque. 

A EEMM é como o próprio personagem descreve, onde a maioria dos alunos tem seu SELO MICA, ou seja, apesar de existir individualidade, também existia um padrão, mesmo que houvesse um momento de destaque, logo voltava a ser como todos.

Até que um dia chega uma nova aluna. Segundo os boatos, a tal menina havia estudado até hoje em sua casa e sua professora era sua mãe. Todos comentavam sobre a novata, mas Leo ainda não tinha visto ela.

Quando ele a encontra no horário do almoço, no refeitório da escola (aliás, nesse refeitório acontece muita coisa), ele entende porquê o pessoal comentava tanto. 

Todos a olham, todos cochicham, ninguém chega muito próximo dela… mas ela não estava nem aí, não se afetava e nem percebia.

A garota se chama Estrela Caraway. Mais tarde conhecemos outros nomes dela, como: Rato de Bolso, Torta de Lama, Hully-Gully; e o nome dado pelos seus pais: Susan. Mas, afinal, qual é o seu verdadeiro nome? Todos são verdadeiros! E ela justifica isto no livro. 

Estrela canta e toca ukulele para os aniversariantes de cada dia (no refeitório), prepara um cartãozinho feito a mão para os que ela sabe que precisam receber (sem assinar!) e dá um presente sem se nomear. Ela é aquela menina que faz gentilezas para os outros de coração. Ela é uma menina que não se importa com o que acontece com ela, pois o que deixa ela triste é o que deixa os outros tristes. Ela sofre pelos outros e não por si. 

Ao longo do livro vemos como ela enxerga o mundo, como ela pensa e o que ela quer ser. Conhecendo ela, fiquei admirada e até deu vontade de conhecê-la em pessoa!

A princípio, apesar de o pessoal da Mica estranhá-la, ela acaba se tornando o assunto principal de toda escola. O pessoal muda um pouco, para melhor. A magia da Estrela espalha em toda escola. Leo entra no mundo de Estrela e vive esta magia, nesta parte do livro conhecemos Estrela com tanta proximidade, que eu ficava rindo sozinha enquanto lia (quem nunca? rs!), pela simplicidade dela.

O livro tem um rumo bem diferente do que imaginei. Altos e baixos e até um final que…não vou falar, mas me conformei. Durante a leitura vinham pensamentos como “ixiii já sei o que vai acontecer!” ou “ai ai, nesse livro também vai acontecer isso?” Pois bem… o Sr. Jerry, autor do Iivro, me conseguiu fazer seu trabalho e me prendeu até o final!

Eu amei o livro e a Estrela! Mas também acho provável que nem todos gostem de histórias como essa, pois como já disse, não são daqueles que te deixa ansioso e nervoso, mas a delicadeza e o lindo coração da personagem me seguraram até o final. Ficaria muito feliz se mais alguém gostasse de Estrela também! (=

Desejo a todos um bom final de semana!

Friozinho gostoso como esse… leitura combina tanto, não é? Mais do que o normal ;D

 

Vou deixar aqui em baixo um comentário (P.S.), que vou acabar falando um pouco sobre o livro, então se não quiserem ler antes de ler o livro, não tem problema.

Até mais! (=

~*~*P.S*~*~.

Em minha opinião, o autor retratou muito bem o comportamento da sociedade em que vivemos. A maioria não quer ser excluída, a maioria não quer ser diferente a ponto de ser rejeitado como a Estrela fora. O fato é que Estrela não sabe como ser como eles, o fato é que Estrela não enxerga essa diferença, e quando enxerga, não entende esta maldade e esta regra invisível na qual estamos sujeitos para entrar no grupo “todos”. Ela tenta até ser como todos. Talvez não seja proposital, mas é fato que existe esta “barreira” na maioria das pessoas pelo medo do desconhecido e do diferente. Por isto, durante a leitura fiquei com um pouco de raiva do Leo! Na verdade muita raiva! Triste pela Estrela, mas entendi um pouco o lado do Leo…

Com certeza mudarei o meu jeito de ver, não o mundo, pois sei que não serei capaz de ser como Estrela, mas pelo menos gostaria de mudar o meu jeito de olhar ao meu redor e conseguir notar detalhes do meu cotidiano, como a Estrela mostrou ao Leo, e ser mais feliz.

Obrigada Sr. Autor do Livro pois conheci uma personagem-estrela que marcou minha vida.

Compare os preços deste livro clicando aqui.
Ou veja o preço na loja de sua preferência:
Cultura Saraiva Submarino 
Lih
Lih

Especificações técnicas:

ISBN: 8582351445

ISBN-13: 9788582351444

Idioma: português

Encadernação: Brochura

Edição: 1ª

Ano de Lançamento: 2014

Número de páginas: 192

Editora: Gutenberg

Fonte: Livraria Cultura

A imagem em destaque foi editada, a original foi retirada do site submarino.com.br

Pesquisas recentes:

A extraordinária garota que se chamava estrela
Lih
Lih

Últimos posts por Lih (exibir todos)

5 comentários em “A Extraordinária Garota Chamada Estrela

E aí? Gostou? Comente aqui o que você achou!