Trilogia Legend: Champion – Livro 3

Champion Trilogia Legend Marie Lu Capa Livro ResenhaOi, pessoal! Tudo bem?

Hoje eu vim falar sobre mais um fim de uma trilogia distópica, o fim da Trilogia Legend: Champion – Do Caos e da Lenda Surgirá um Campeão. Lembrando que Legend já teve seus direitos vendidos para ser adaptado para o cinema, então para aqueles que gostam de ler o livro antes, fica aqui minha dica: Trilogia Lengend. 

Como eu vou falar sobre o terceiro livro, vou acabar revelando desenvolvimentos dos dois primeiros livros, então se você não quiser saber sobre esses desenvolvimentos, não continue a ler porque esse post tem spoilers dos dois primeiros livros, do terceiro não. Você pode conhecer o começo da trilogia lendo o post sobre o primeiro livro, Legend. Basta clicar aqui.

Então vamos lá! Já conhecemos a Lenda da República e também a garota Prodígio. Agora chegou a hora do campeão. Mas antes, um breve histórico (bem breve mesmo!) envolvendo os personagens principais dessa trilogia.

Daniel Altan Wing, mais conhecido como Day, já passou por muitas coisas, a República já fez coisas terríveis com ele e com a família dele. Day começou a viver nas ruas e se tornou a pessoa mais procurada em toda a República. Ele já lutou contra a República, mas agora, com Anden como Eleitor, ele está do lado oposto em que estava antes e tem um papel importantíssimo sendo a ligação mais direta possível entre o novo Eleitor e o povo da República. Ele já trabalhou com os Patriotas em um plano para matar o novo Eleitor, mas isso não aconteceu porque havia muitas outras coisas em jogo e outros interesses que ele só descobriu depois. 

June Iparis admirava muito seu país, mas assim como Day, também sofreu com a República e também perdeu entes queridos. Após a morte de seu irmão, Metias, ela descobriu segredos da República, que fizeram com que sua lealdade fosse abalada. Ela conseguiu capturar o criminoso mais procurado pela República, mas foi com a ajuda dele que ela descobriu planos e projetos do antigo Eleitor, então começou a lutar ao lado de Day, salvando-o até de sua sentença de morte.

O fim do segundo livro, Prodigy, me deixou bastante preocupado e acredito que também preocupou vocês. Descobrimos que Day está muito doente e correndo sério risco de vida. Pois é! Essa doença permanece (obviamente) no livro Champion. Day se mudou para São Francisco com seu irmãozinho, Éden. Eles agora vivem com uma guardiã chamada Lucy, que cuida tanto de Éden quanto de Day, em um apartamento luxuoso, num bairro chamado Pacífica. Faz oito meses que essa mudança aconteceu, faz oito meses que ele e June não se vêem e nem se falam. Mas esse silêncio entre os dois deixa de existir quando Day recebe uma ligação.

Quem fala com Day é o Comandante David Guzman, da Décima Quarta Patrulha da cidade de Denver. Ele e diz que Day deve comparecer ao Baile da Independência no Capital Tower, o Eleitor e a Primeira Cidadã fazem questão da presença dele.

O Comandante David não conseguiu convencer Day. Então Day ouve uma outra voz chamando no seu fone, uma voz que não ouvia há oito meses. June diz que precisa da presença de Day para discutir um assunto de segurança nacional. Uma praga se espalhou pelo front da guerra e as Colônias acreditam que foi uma arma biológica da República que causou aquilo, consequentemente o tratado de paz entre as Colônias e a República da América foi descartado. Uma guerra está prestes a começar.

June não é a única Primeira Cidadã. Há mais dois senadores concorrendo ao cargo, Mariana e Serge. Ninguém leva muito a sério uma garota jovem como a June para um cargo tão importante como esse, mas ela vem aguentando a pressão e os comentários negativos.

Day voa para Denver e se reúne com os Primeiros Cidadãos e o Eleitor. Lá é explicado o que está acontecendo e o motivo de terem solicitado sua presença. Para que o tratado de paz continue sendo negociado, a República precisa entregar a cura da praga. Acredita-se que a praga é resultado das armas biológicas que estavam sendo criadas pelo pai de Anden. Day sabe muito bem sobre elas. Passou muito tempo procurando seu irmão, Éden, que estava nas mãos da República sendo transformado em uma dessas armas. Agora Éden é a única esperança que a República tem de encontrar uma cura e é isso que Anden quer, a autorização de Day para que os médicos tentam achar a cura utilizando seu irmãozinho.

Obviamente Day não vai querer entregar Éden novamente nas mãos da República, não depois de tudo o que fizeram com ele. Mas não autorizar isso significa “guerra” e as Colônias têm um aliado muito forte, a África. A República não aguentaria sozinha. A guerra começa.

Anden vai com June até Ross City, na Antártida, solicitar ajuda. Lá, June descobre um mundo totalmente novo e diferente do seu. A Antártida tem uma tecnologia incrivelmente avançada se comparada com a República. Ela também descobre um pouco mais sobre a história dos Estados Unidos, por exemplo, que ele era muito importante anos atrás; como os Estados Unidos se tornaram a República Ocidental da América e as Colônias Orientais da América atuais (estamos em 2132 na realidade da distopia). Enfim, o Presidente Ikari diz que pode apenas oferecer seus cientistas para que eles possam ajudar a descobrir a cura, mas nada de suporte militar, dinheiro ou suprimentos. A não ser que o Eleitor possa fazer uma coisa em troca: oferecer parte de suas terras.

Enquanto isso, juntos com os soldados da República, Day e os Patriotas estão ajudando e revidando da melhor forma possível, do jeito deles, daquele jeito que é a especialidade deles e que deixa a gente doido de curiosidade e ansiedade pra ver se os planos vão dar certo. E aí, por causa das dores de cabeça, Day vai parar no hospital.

Acho que vou parar por aqui para não revelar mais coisas. Será que a República vai resistir? Será que a República vai se render e se entregar para as Colônias ou conseguirá descobrir a cura? Day deixará seu irmão ser usado pela República novamente? Day sobreviverá? Afinal de contas, ele está com os dias contados. Anden e June conseguirão a ajuda da Antártida ou terão que lutar sozinhos? O que seria do Eleitor sem seu elo (Day) com o povo? June será a escolhida para Primeira Cidadã? São muitas perguntas né? E tem muitas outras! Sem contar que ainda vemos a Comandante Natasha Jameson e o Capitão Thomas Alexander Bryant fazendo parte da história ainda. Descobrimos mais segredos sobre a morte de Metias. Estão preparados para tudo isso?

 

Preciso confessar pra vocês que eu simplesmente A-M-E-I essa trilogia! Eu disse que gostei mais do segundo livro do que do primeiro, e dessa vez eu digo que gostei mais do terceiro do que do segundo. É uma trilogia distópica sensacional! Sério mesmo! Leitura obrigatória! Me emocionei bastante com esse livro (não de chorar, mas deu vontade em alguns momentos). Até com os agradecimentos da autora eu fiquei mexido hahahaha.

Os dois primeiros livros da Trilogia Legend eram publicações da Editora Prumo, agora eles foram reeditados e lançados com o terceiro e último volume, Champion, pela Editora Rocco, no tão famoso selo Rocco Jovens Leitores. As capas sofreram algumas mudanças e ficaram mais lindas do que já eram. Vejam como ficaram as capas da Trilogia Legend:

Resenha Legend Trilogia Legend Marie Lu Capa Livro Resenha Prodigy Trilogia Legend Marie Lu Capa Livro Champion Trilogia Legend Marie Lu Capa Livro Resenha

É isso pessoal, espero que vocês tenham gostado. Contem pra mim o que vocês acharam da trilogia, caso já tenham lido. Aproveitem para votar na melhor distopia até agora, é só clicar aqui.

Obrigado pela atenção e até o próximo post!

Compare os preços deste livro clicando aqui.
Ou veja o preço na loja de sua preferência:
Cultura Saraiva Submarino 
JP
JP

Especificações técnicas:

ISBN: 8579802083

ISBN-13: 9788579802089

Idioma: português

Encadernação: Brochura

Edição: 1ª

Ano de Lançamento: 2014

Número de páginas: 304

Editora: Rocco

Fonte: Livraria Cultura

Pesquisas recentes:

trilogia legend, Livro trilogia legend livraria cultura, Trilogia Legend- Thomas, trilogia legend: champion
JP

JP

Fascinado pelo Mundo de Magia e Bruxaria criado por J.K. Rowling e louco pelos romances policiais de Harlan Coben, JP está realizando seu sonho de criar sua própria biblioteca em casa e agora sonha em publicar um de seus vários projetos já iniciados. É apaixonado por livros e deseja passar essa paixão adiante, tocando as pessoas com sinceridade, diversão e cultura.
JP

Últimos posts por JP (exibir todos)

JP

Fascinado pelo Mundo de Magia e Bruxaria criado por J.K. Rowling e louco pelos romances policiais de Harlan Coben, JP está realizando seu sonho de criar sua própria biblioteca em casa e agora sonha em publicar um de seus vários projetos já iniciados. É apaixonado por livros e deseja passar essa paixão adiante, tocando as pessoas com sinceridade, diversão e cultura.

2 comentários em “Trilogia Legend: Champion – Livro 3

  • 9 de dezembro de 2014 em 01:42
    Permalink

    EU SIMPLESMENTE A-M-O ESSA TRILOGIA! Mas eu tenho uma pergunta…Vai ser mesmo adaptado para o cinema? >.<

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2014 em 12:24
    Permalink

    Oi Cléo,
    É uma trilogia muito boa né?
    Os direitos foram vendidos para a CBS Films e os produtores são os mesmos do filme Crepúsculo
    Agora acho que é só esperar…Quero logo!! hahahaha
    Obrigado pelo comentário =)

    Resposta

E aí? Gostou? Comente aqui o que você achou!