Fale!

Resenha Fale Laurie Halse Anderson Capa LivroOlá, pessoal! Tudo bem? Quanto tempo! Peço desculpas pela ausência, mas acabou a correria da faculdade e estamos um pouquinho mais livres! Espero que estejam de férias e curtindo algum livro né? Estou colocando minha leitura em dia, apesar de a fila dos pendentes estar sempre aumentando hahahahaha.

Hoje trouxe um livro que com certeza está na minha lista Top 10 dos preferidos! Gostei do jeitinho diferente da capa e confesso que me despertou a curiosidade. Corri para ler a sinopse e amei! Vamos lá?

Fale! por Laurie Halse Anderson

A capa, como vocês podem notar, é uma árvore cheia de boquinhas e o título “Fale!”… Qual a conexão? Logo vão entender…

A nossa história é narrada ao olhar de uma menina que acabou de ingressar no colégio, no ensino médio, chamado Merryweather. No entanto, logo de início, percebemos que há algo de errado com ela. A personagem vai nos contando o quanto está afastada da sua ex-melhor amiga, Rachel Bruim, diz que não senta com ninguém para almoçar, não faz parte de nenhuma tribo do colégio. Só para explicar o que é a “Tribo”: é uma maneira como o colégio se divide, há a tribo dos atletas, das cheerleaders, dos atores, dos góticos, entre outras. A nossa personagem, resumidamente falando, é uma excluída.

Chegando em casa, a personagem descreve como é a sua relação com seus pais. Para ter uma idéia, a comunicação mais comum deles é pelo bilhete do balcão da cozinha. (Oi? Pois é…) Ela diz o que precisa aos seus pais e eles dizem se irão voltar tarde do trabalho ou não. Basicamente isso. E a nossa personagem simplesmente diz: “O que há mais para dizer?”.

Melinda Sordino é a nossa personagem principal. Apesar de agora ela ser esta menina fechada e isolada no seu mundo, antes ela era uma menina que tinha seu grupo de amigas, participava de eventos com elas e até foi para uma festa tradicional que os veteranos do colégio Merryweather promovem para comemorar a chegada das férias. Bom, é aqui que surge o grande problema da nossa história.

Pois é, acontece algo na festa que faz com Melinda acabe sendo interpretada de uma maneira totalmente distorcida por todos do colégio e ela acaba transformando nesta personagem desanimada, triste e sozinha.

Um destaque e um dos personagens mais importantes deste livro, para mim, é o professor de artes, Prof. Freeman. Ele é aquela pessoa que sai do padrão, sempre com o foco de que a arte deve ser algo com conteúdo e sentimento, a obra de arte se comunica com as pessoas. No início parece até ser um desequilibrado e doido, mas ao decorrer das páginas acabei gostando dele. O ano letivo do Prof. Freeman começou com a definição de uma palavra, o nome de um objeto, que os alunos vão utilizar para torná-lo uma obra de arte, ou seja, os alunos devem “encontrar uma forma de fazer com que o seu objeto diga algo, transmita uma emoção, fale com as pessoas que o observem”. Bom, a Melinda pega a palavra/objeto árvore e em um belo dia ela consegue expressar por meio da árvore a sua dor interna… A forma como ela expressa isto é um pouco assustador, no entanto podemos afirmar que seu sentimento interior não estava longe disto. 

Durante a leitura fiquei curiosa pelos pequenos relatos da Melinda, sobre o seu passado, sobre seu presente e o quanto ela está desanimada com a sua vida. Mas qual a causa disto tudo? Não posso contar, pois seria um spoiler!

Falar pode ser algo muito comum e fácil para nós, no entanto se pararmos para pensar o que realmente queremos expressar do fundo dos nossos sinceros sentimentos, será que é possível? Será que é aceitável? O que os outros podem achar? É questão de ponto de vista, mas a Melinda nos mostra como é se sentir assim. Uma história delicada, de coragem e, posso dizer, que me causou um certo choque também.

Falando um pouco do livro, a obra foi finalista do: National Book Award; Los Angeles Times Book Prize; e Edgar Allan Poe Award. Vencedor do SCBWI Golden Kite Award (Associação Americana dos Autores e Ilustradores de Livros Infantis). Considerado um dos 10 melhores livros do Ano para Jovens Adultos da Associação Americana de Bibliotecas, no Booklist foi considerado um dos 10 melhores Romances do Ano, Best-Seller no New York Times e etc.

O livro foi publicado em 1999, se tornando um dos maiores sucessos da literatura jovem no mundo e nesta edição comemorativa de 10 anos, finalmente chegou ao Brasil publicado pela Editora Valentina!!!

O Silêncio de Melinda Filme Fale (Speak) Laurie Halse Anderson CapaValeu muito a pena ler! Aprendi muito com a leitura e gostaria de recomendar para aqueles que procuram um livro que traz um aprendizado de uma maneira diferenciada e realista.

Agradeço por ter enviado o livro Editora Valentina!! Quem quiser acompanhar a editora pelo site e nas redes sociais: SiteFacebook, YouTube, Twitter e Instagram.

Só pra finalizar, eu vi que tem um filme, que saiu em 2004, que foi baseado no livro. Em inglês ele tem o mesmo nome do livro (Speak), mas em português o filme se chama O Silêncio de Melinda. O filme é uma produção independente e a personagem principal, Melinda, foi representada pela atriz Kristen Stewart. Estou ansiosa para assistir agora. Quem ficou interessado e quiser ver o trailer, está aqui embaixo, mas preciso avisar: O TRAILER TEM SPOILER, e é um spoiler que eu não quis contar no post porque achei importante descobrir isso junto com a personagem ao longo da história…aí você escolhe se quer saber ou não…

Muito obrigada por acompanhar nosso blog!

Fiquem à vontade para comentar, criticar e dizer o que acharam de Fale! também. Vou ficar bem contente!

Um bom começo de semana para todos!

Compare os preços deste livro clicando aqui.
Ou veja o preço na loja de sua preferência:
Cultura Saraiva Submarino
Lih
Lih
Especificações Técnicas

ISBN: 856585907X

ISBN-13: 9788565859073

Idioma: português

Encadernação: Brochura

Edição: 1ª

Ano de Lançamento: 2013

Número de páginas: 248

Editora: Valentina

Fonte: Livraria Cultura

Lih
Lih

Últimos posts por Lih (exibir todos)

4 comentários em “Fale!

  • 22 de dezembro de 2014 em 14:20
    Permalink

    Oi Lih! ^^ Como vai?
    Desde que esse livro foi lançado, eu estava louca pra comprá-lo, um ano depois comprei e desde então, o estou lendo de pouquinho a pouquinho pra não acabar rápido. Haha
    Sou completamente apaixonada por ele, mesmo sem ter terminado a leitura ainda.
    É um trabalho maravilhoso da diva Laurie! Ela tem uma forma de escrever que te prende, é incrível. Já leu Garotas de Vidro? É tão intenso e perfeito quanto Fale!
    O poema da edição comemorativa de 10 anos é lindo e emocionante e assim como o trailer, ele dá spoiler do que a conteceu a Melinda. e.e
    Amei sua resenha, parabéns! :)
    Primeira vez nesse blog, vou voltar mais vezes! ^^

    Beijos! <3
    http://dreams-books-love.blogspot.com.br/

    Resposta
    • 17 de janeiro de 2015 em 00:04
      Permalink

      Olá Lorrane! Tudo bem?

      Primeiramente peço desculpas pela demora para lhe responder e muitíssimo obrigada pelo seu comentário!

      Eu não conhecia a Encantadora Laurie! Adorei a narrativa dela e já estou com o livro “Garotas de Vidro” que você me recomendou! Muito obrigada e logo mais postarei a resenha sobre o livro aqui… posso mencionar que foi você que me indicou?

      Sobre o poema… nossa eu fiquei chocada e emocionada ao mesmo tempo! Até comentei com o JP logo depois para desabafar minha emoção do livro que mal tinha começado a ler! hahahah

      Muito Obrigada e fiquei muito feliz por ter gostado da minha resenha!
      Muito Contente mesmo!
      Seja Bem-vinda ao CPL e fique a vontade!
      Ah! Obrigada por ter deixado o link do Dreams & Books! Vou passar lá daqui a pouco!

      Tenha um ótimo final de semana!

      Obrigada
      Lih* =)

      Resposta
  • 10 de janeiro de 2015 em 20:29
    Permalink

    Oie!! Poxa, acho q vc estragou meus planos viu lih kkk eu estava pensando em ler um livro agora, mas ele vai ter q esperar,tenho q ler esse! Amei a resenha q vc fez, e acho q logo vou procurar esse livro numa livraria haha valeu a dica =D bjs

    Resposta
    • 17 de janeiro de 2015 em 00:09
      Permalink

      Olá Helen! Tudo bem?

      Primeiramente peço desculpas pela demora para lhe responder.
      Muitíssimo Obrigada pelo seu comentário!

      Aiaiai… atrapalhei a sua fila de livros… hahha me desculpa mas acredite, vale a pena viu! O livro é muito bom!
      Como demorei para lhe responder, talvez já tenha começado a ler né? Talvez até terminado… (Desculpa mesmo)

      Espero muito que goste da leitura!

      Muito Obrigada por ter gostado da resenha! Fico muito feliz por isso ˆˆ
      Tenha um ótimo final de semana!
      E boa leitura ˆˆ

      Obrigada
      Lih* =)

      Resposta

E aí? Gostou? Comente aqui o que você achou!