Pax

Oi, pessoal! Tudo bem com vocês? Vim aqui hoje falar sobre o livro Pax, da autora Sara Pennypacker, ilustrado por Jon Klassen e publicado pela Editora Intrínseca. Uma história emocionante de uma criança e uma raposa em meio à guerra.

Resenha Pax Sara Pennypacker Livro CapaA história:

Bom, o livro é dividido em duas perspectivas, a da raposa Pax e do garoto Peter. A história já começa partindo o seu coração. Logo no início temos uma cena de um garoto dentro de um carro com seu pai e sua raposa. Vemos essa parte pela perspectiva da raposa, que não está entendendo muito bem o que está acontecendo e o porquê de o seu dono estar agindo de uma forma tão diferente.

Peter está chorando silenciosamente com Pax no colo. A raposa conhecia algumas palavras do vocabulário dos seres humanos e uma das palavras que Pax entendeu foi “Não”, que Peter repetia por diversas vezes para o pai enquanto chorava.

Assim que o carro parou e todos desceram, Pax pensou que seu dono fosse brincar com ele. Peter tirou um soldadinho de plástico do bolso e Pax sabia que quando seu dono jogasse, ele deveria procurar o bonequinho e levar de volta para ele para um novo arremesso. Peter jogou o soldadinho bem longe e Pax foi atrás procurá-lo, sem ver que seu dono estava voltando para o carro, chorando por ter que deixar Pax para trás.

O pai de Peter ia para a guerra e, por isso, Peter teria que ficar com o avô (um senhor um pouco rabugento ao que dá a entender), mas não poderia levar sua raposa junto com ele. Na casa do avô, ele encontrou a foto do pai com um cachorro de estimação e “inseparáveis” foi como o avô de Peter definiu a relação do próprio filho (pai de Peter) com o cachorro de estimação.

Foi assim que Peter percebeu que tinha cometido um erro muito grande, que não deveria ter abandonado sua raposa. Então ele decide que vai atrás de Pax e ele coloca na cabeça que, não importa o que ele tenha que enfrentar, ele tem que encontrar sua raposa.

Acompanharemos como que Pax, uma raposa domesticada, está lidando com o mundo selvagem e as coisas que terá que fazer para sobreviver. Também vamos acompanhar a jornada de Peter, que vai enfrentar e superar muitas coisas para conseguir encontrar Pax.

O que eu achei:

Curti bastante a leitura e gostei muito das partes que eram narradas pela perspectiva da raposa. Deu pra perceber que a autora se preocupou em representar de forma fiel como é o comportamento das raposas, você realmente enxerga pela perspectiva de um animal as partes que são pela visão de Pax.

Também conseguimos acompanhar o desenvolvimento de Peter enquanto ele se esforça e dá tudo de si para encontrar Pax. Mas confesso que as partes que eram pela perspectiva do Pax me agradavam um pouco mais.

Eu só não dou 5 estrelas para o livro por causa de uma parte que eu acho que poderia ter sido diferente, mesmo tendo entendido o porquê foi como foi. Infelizmente não posso comentar essa parte sem contar spoilers do livro, mas se vocês lerem, vão entender o que eu estou falando.

Minha avaliação:

A avaliação de vocês:

 

Espero que vocês tenham gostado da dica de Próxima Leitura de hoje. Não deixem de comentar o que vocês acharam, se já leram o livro, se querem ler, fiquem á vontade! Muito obrigado pela atenção de vocês, um grande abraço e até o próximo post.

Compare os preços deste livro clicando aqui
Ou veja o preço na sua loja de preferência

 Cultura Fnac Saraiva Submarino

Especificações Técnicas

Especificações técnicas:

ISBN: 8551000225

ISBN-13: 9788551000229

Idioma: português

Encadernação: Capa dura

Edição: 1ª

Ano de Lançamento: 2016

Número de páginas: 288

Editora: Intrínseca

Fonte: Amazon

Pesquisas recentes:

pax by sara pennypacker
JP

JP

Fascinado pelo Mundo de Magia e Bruxaria criado por J.K. Rowling e louco pelos romances policiais de Harlan Coben, JP está realizando seu sonho de criar sua própria biblioteca em casa e agora sonha em publicar um de seus vários projetos já iniciados. É apaixonado por livros e deseja passar essa paixão adiante, tocando as pessoas com sinceridade, diversão e cultura.
JP

JP

Fascinado pelo Mundo de Magia e Bruxaria criado por J.K. Rowling e louco pelos romances policiais de Harlan Coben, JP está realizando seu sonho de criar sua própria biblioteca em casa e agora sonha em publicar um de seus vários projetos já iniciados. É apaixonado por livros e deseja passar essa paixão adiante, tocando as pessoas com sinceridade, diversão e cultura.

E aí? Gostou? Comente aqui o que você achou!